A Rádio Que Orgulha o Chão Farrapo!!!
Home » » Objetivo Anual do MTG 2010

Objetivo Anual do MTG 2010

{[['']]}
Proposta: OBJETIVO ANUAL DO MTG/2010

Proponente: Secretário Geral - Hélio dos S. Ferreira

Sugestão: "MTG, CTG E VOCE, FORTALECENDO AS RAIZES DA TRADIÇÃO GAÚCHA."

Justificativa:

Após 61 anos de fundação do primeiro CTG no RS (35 CTG de Porto Alegre) e 43 anos de entidade federativa atuante, o MTG deveria estar mais preocupado com as suas bases institucionais e filosóficas, as Entidades Tradicionalistas e seus Associados.

Temos acompanhado um crescente processo de enfraquecimento dos nossos CTGs, por falta de associados, por falta de condições para manter a entidade atuante, dificuldades para promover eventos culturais, etc....etc....etc.....

Porem por outro lado, acompanhamos o expressivo crescimento de novos tradicionalistas participando de eventos públicos, rodeios etc... Mas porque estas pessoas não procuram os CTGs? Porque não participam de eventos menores promovidos por eles? Porque não se associam para colaborar com as entidades?

Por tudo isso, e muito mais que podemos constatar no dia a dia do MTG e das 30 RTs, entendemos que é hora de nos preocuparmos mais com estas questões, caso contrário corremos o risco de sermos, num médio espaço de tempo, uma federação de poucas entidades atuantes e muitos aglomerados de pessoas localizados em piquetes, grupos de laçadores e grupos de danças..apenas utilizando um nome jurídico de fachada, sem sede, sem quadro social, sem vida....Com certeza isso nos levará ao enfraquecimento como federação, colocando em risco o próprio movimento organizado.

Pelo exposto, propomos que neste ano de 2010, o trabalho do MTG (Conselho Diretor e Diretoria Executiva), de suas 30 Coordenadorias (Coordenadores e Patronagens), Prendas e Peões (em todos os níveis) e de todos os tradicionalistas conscientes, seja voltado para recuperarmos nossas bases, nossas entidades, fortalecendo seus quadros sociais, seus eventos culturais e outros... Que encontremos maneiras viáveis de recuperar estruturalmente os CTGs, que incentivemos os piquetes menores a virem se agregar aos CTGs como departamentos, para com isso fortalecer os quadros sociais, que o FIAC, sáia das "gavetas" e que juntos encontremos formas para ele funcionar, com isso poderemos ajudar as entidades culturalmente...Que o MTG e a FCG, auxiliem e viabilizem projetos federais, estaduais e ou municipais, para recuperação e ampliação dos Galpões (sedes dos CTGs), para com isso atraírem mais associados...Que as verbas e patrocínios da Semana Farroupilha, não sejam destinados apenas para Porto Alegre, mas que sejam repartidos com as 30 Regiões, que por sua vez deverão dividir entre as entidades que se habilitarem a realizar promoções durante a semana (comprovadamente, nesta época surgem inúmeros adeptos do tradicionalismo e possíveis novos sócios para os nossos CTGs).

Por fim, que o MTG e FCG, façam "economias de guerra", em todos os níveis, para poderem viabilizar o FIAC e outras ações diretas em prol da recuperação de suas bases, mas que não fiquem só nas questões materiais, precisamos também de ações objetivas para recuperar as questões filosóficas e com isso aumentarmos a consciência tradicionalista de todos nós.

do Chasque Pampeano.
Share this article :

+ comentários + 1 comentários

Giorgi Matogrosso
20 de janeiro de 2010 15:56

Há décadas atrás, Barbosa Lessa já explicava os perigos das transformações, invasões e domínios culturais. A Tradição Gaúcha tem, apenas, uma esperança de sobrevivência: SER DEFENDIDA POR PESSOAS DE "ALMA GAÚCHA". E, como alguém já disse uma vez, "SE A ALMA É GAÚCHA, ELA VEM DE A CAVALO". Portanto, enquanto o MTG não for rigoroso no "culto ao cavalo", o culto à Tradição Gaúcha ficará cada vez mais fraco e pobre, de forma moral e material. Esta é a opinião de quem tem a Tradição Gaúcha no coração e sempre trabalhou e trabalha para defende-la.

Postar um comentário

Ouça ao vivo

Curta no Facebook

 
Registrado © 2013. RádioTertúlia.com - Piratini/RS - Todos os direitos reservados